CAPACITAÇÃO: EasyMapper

Integração do EasyMapper com outros programas

Opções para quando o mapa mental é um produto-meio

Quando você elabora um mapa mental em software, trabalha em um documento do programa. Mas quem faz um mapa mental, tipicamente o faz para que seja usado: ele será por exemplo impresso e estudado no caminho para a escola ou em uma confortável poltrona. Um professor pode imprimir várias cópias para entregar aos alunos. Outra possibilidade é que o mapa mental seja disponibilizado na internet, eventualmente até vendido.

Em outra linha, o mapa mental poderá de fato não ser um produto em si, mas compor outro, como no caso de uma imagem dele que será inserida em uma apresentação ou em um documento de texto.

Assim, o mapa mental feito no software quase sempre ainda não está pronto para uso; algum trabalho adicional deve ser feito para prepará-lo para servir à finalidade a que se destina.

O EasyMapper oferece algumas opções para quando o mapa mental é na verdade um produto-meio. Por exemplo:

- A imagem do mapa mental pode ser salva em arquivo ou enviada para a área de transferência, de onde pode ser inserida no PowerPoint, no Word ou outro aplicativo que aceite imagens.

- O conteúdo do mapa mental pode ser salvo no formato .DOC e assim migrado para o Word.

- O conteúdo também pode ser salvo no formato HTML, para ser aberto em um navegador ou inserido em outro programa, como o próprio Word.

- Havendo um driver de PDF instalado no computador, pode ser gerado um arquivo nesse formato contendo o mapa mental.

- O mapa mental pode ser salvo no formato XML do MS-Project. Também podem ser lidos os dados básicos de tarefas salvos nesse formato pelo Project. Uma possibilidade aberta aqui é fazer a pré-estruturação de um plano no EasyMapper e, quando a estrutura estiver estável, migrar o conteúdo para o Project para detalhamento.

Aproveitar bem um programa requer que você conheça o máximo de suas possibilidades, se não como fazer algo, pelo menos o que ele pode fazer. No caso da integração com outros programa: isso inclui:

- com quais aplicativos ele "conversa"?

- o que devo fazer para integrar meu mapa mental a outro programa?

- quais os controles para isso?

Este artigo apresenta um diagrama que contém respostas para essas e outras perguntas.

Observação: a integração do EasyMapper com outros programas de mapas mentais, por ser de interesse mais restrito, foi tratada em separado; veja Integração do EasyMapper com outros programas de mapas mentais.

 

Por Virgílio Vasconcelos Vilela

Desenvolvedor do EasyMapper - Editor e webmaster dos sites www.MapasMentais.com.brwww.MindMapShop.com.br, www.Possibilidades.com.br - Autor do e-livro Modelos e Métodos para Usar Mapas Mentais.

Contato: virgiliovv@uol.com.br

 

Instruções

Informações e instruções sobre o diagrama:

- Para obter uma descrição do objeto, coloque o cursor do mouse sobre ele ou, no caso de linhas, sobre o texto (a exibição dos textos explicativos depende de Javascript habilitando no navegador). Note que entender uma linha depende de você entender suas pontas.

- As linhas sem textos indicam operações sobre formatos nativos dos aplicativos, Abrir/Salvar. Assim, a linha do Word para o formato .DOC não tem texto porque esse formato é do próprio programa.

- Saber como fazer fazer uma interação entre programas envolve descobrir um "caminho" no diagrama, que é uma espécie de mapa: onde estou, para onde vou e por onde posso passar. Por exemplo, você tem um mapa mental no EasyMapper e seu destino final é uma apresentação do PowerPoint em formato PPS. Há dois caminhos possíveis:

Opção/caminho 1

- Copiar a imagem do mapa mental para a área de transferência.

- Colar a imagem no PowerPoint.

- Salvar a apresentação como PPS.

Opção/caminho 2

- Exportar a imagem do mapa mental para um arquivo (opções de formato: PNG e JPEG).

- Inserir a imagem no PowerPoint.

- Salvar a apresentação como PPS.

 

.JPG

Formato de armazenamento de imagens dos mais usados no mundo. Não permite transparência. Permite níveis de compactação, mas com perda de qualidade inversamente proporcional. Um percentual de compactação que equilibra tamanho e qualidade está em torno de 70-80%.

PNG

O formato PNG (Portable Network Graphics) foi concebido para substituir o formato GIF. Este está limitado a 256 cores e não permite transparência, enquanto que o formato PNG aceita milhões de cores e vários níveis de transparência. O PNG também permite vários níveis de compressão sem variação aparente de qualidade, exceto em circunstâncias muito particulares. Pode ser usado no MS-Office e é um formato oficial da internet desde 1996, sendo reconhecido por todos os navegadores mais usados.
Uma significativa vantagem do formato PNG, ao contrário dos formatos JPEG e GIF, é a possibilidade de se alterar as dimensões da imagem, dentro de certos limites, sem perda sensível de definição, o que aumenta a produtividade de diagramação. Essa escalabilidade depende também do programa.

Arquivos de imagens

Imagens gravadas em disco ou outro meio de armazenamento (formatos relevantes para este diagrama).

PNG e JPEG

Imagens que o EasyMapper exporta.

.GIF

Formato de armazenamento de imagens, dos mais usados no mundo. Permite transparência. Não permite compactação e tem limites para a quantidade de cores.

MS-Word

Processador de textos da Microsoft. O EasyMapper exporta arquivos que podem ser abertos por ele.

MS-PowerPoint

Microsoft Power Point, programa de elaboração de apresentações do Microsoft Office.

MS-Office

Pacote de aplicativos de escritório da Microsoft. Aqui estão representados apenas dois dos programas do pacote, que é vendido em várias versões.

Imagem

Um dos tipos de objetos que podem ser armazenados na área de transferência do sistema.
Os formatos de imagens disponíveis aqui podem variar, porque dependem do que os programas enviam. Alguns enviam uma mesma imagem nos "sabores" GIF, JPEG, PNG e EMF, enquanto que outros só enviam um BMP.
Você pode consultar esses tipos e escolher um quando o programa de destino tem a opção Colar especial... no menu Editar.

Área de transferência

Um recurso do Windows para troca de dados entre programas. Os dados são enviados de um programa para a área de transferência, operação chamada de "copiar", e então podem ser levados para outros programa, operação chamada "colar". Uma outra operação possível é "recortar", na qual os dados, além de serem enviados para a área de transferência, são também excluídos.

Um mesmo conjunto de dados pode ser copiado em vários formatos. Por exemplo, um texto em HTML pode ser copiado como HTML mesmo ou texto simples. Uma imagem pode ser copiada em vários formatos, como GIF, JPEG, EMF e BMP, o que dependerá do formato original da imagem e do programa. Alguns programas oferecem a opção "Colar especial", que permite escolher o formato a ser colado. Como exemplo, copie uma imagem a partir do PowerPoint e, no Word, selecione Editar/Colar especial...

Tópico

Elemento de um mapa mental que armazena texto e ou imagem.

EasyMapper

Nosso programa de elaboração de mapas mentais e foco deste diagrama. Os caminhos que você encontrar que passem por aqui são possibilidades de trocar dados com outros programas (não incluindo outros de mapas mentais).

Driver PDF

Programa com funcionamento semelhante ao de um driver de impressora mas que, ao invés de imprimir, converte o que recebe para o formato PDF. A conversão é feita da mesma forma que se imprime, só que a saída vai para um arquivo. Uma vantagem desse mecanismo é que, com um único driver, é possível converter qualquer documento para PDF.

Um bom driver gratuito (mas com anúncios) de PDF é o PDF995 (www.pdf995.com), que tem também uma versão paga - barata - sem anúncios.

Adobe Reader

Programa gratuito da Adobe para ler o formato PDF. Download: http://get.adobe.com/br/reader/

Project

Programa de planejamento de projetos da Microsoft, muito usado no Brasil.

.DOC

Formato de arquivo do Microsoft Word.

.PPT

Formato de arquivo nativo do Microsoft Power Point.

.PPS

Formato auto-executável de arquivo de apresentação do Power Point. Pode ser aberto normalmente para edição, como o PPT.

.HTML

Formato de arquivo de páginas da Web. Significa Hypertext markup language, ou linguagem de marcação de hipertexto.

.PDF

Formato de arquivo da Adobe. Pode ser aberto pelo Adobe Reader. Amplamente utilizado no mundo para distribuição de documentos.

.XML

O arquivo normal do Project tem extensão PRJ, mas ele grava os dados de um projeto também em arquivo XML, com um formato interno próprio.

Exportar

O EasyMapper permite exportar um mapa mental para um documento do Word, tipo DOC. A exportação é feita segundo uma página-modelo, de maneira similar à exportação para página Web. Veja detalhes de como montar um arquivo modelo de exportação na Ajuda.

Controle: Arquivo/Exportar, tipo documento do Word.

Exportar

O EasyMapper permite exportar um mapa mental como uma página da Web, que pode ser exibida em um navegador. A exportação é feita segundo uma página-modelo. O EasyMapper vem com alguns modelos de páginas, que podem ser adaptados. Veja detalhes de como montar um gabarito de exportação na Ajuda.

Controle: Arquivo/Exportar, tip página da Web.

Copiar imagem do mapa mental

O EasyMapper envia uma imagem do mapa mental para a área de transferência, de onde pode ser colada em outros programas.
Controle: Control-M ou menu Editar/Copiar imagem do mapa mental

Salvar como/Abrir página Web

O Word permite abrir e salvar um documento como página da Web, em vários formatos: compactado, normal (com código do Word, normalmente inútil para uso na Web) e filtrado (quase sem código específico do Word).

Controles: Arquivo/Salvar como página da Web / Arquivo/Abrir, tipo Página da Web

Exportar imagem MM

O EasyMapper permite exportar um mapa mental como uma imagem em arquivo do tipos PNG ou JPEG. O arquivo pode então ser inserido em outros programas, como um documento do Word ou um slide do Power Point. Diferenciais da exportação de imagem em relação à cópia simples para a área de transferência são a escolha do formato e a definição de percentual de compactação (JPEG) ou a taxa de compressão (PNG).

Controle: Arquivo/Exportar, tipo Página da Web.

Imprimir

Imprimir para um driver PDF gera um arquivo nesse formato.

Controle:  Arquivo/Imprimir. Na lista de impressoras, selecione o driver PDF.

Imprimir

Uma vez que se tenha um driver PDF instalado no computador, é possível imprimir para um arquivo em formato PDF da mesma maneira que se imprime para uma impressora.

Assim como cada impressora tem suas configurações, o driver PDF também terá as suas, sendo algumas semelhantes às das impressoras (como tamanho de página, páginas por folha) e outras próprias do formato PDF (compressão, senha e versão do Acrobat Reader).

Inserir imagem

Os programas do Office permitem inserir imagens de arquivo. Uma imagem de um mapa mental salva em arquivo pode ser levada a um programa do Office por meio desse comando.

Controle: menu Inserir/Imagem/Do arquivo...

XML do Project

Importar/Exportar do Project

O Easymapper exporta um mapa mental para um arquivo XML reconhecível pelo Project. Isso permite por exemplo a pré-estruturação do planejamento no EasyMapper e, quando a estrutura estabilizar, é exportada para oProject para detalhamento.

Controles: Arquivo/Importar | Arquivo/Exportar, tipo "XML MS-Project".
Também disponíveis nas setas dos botões Novo e Salvar, respectivamente.

Abrir (PDF)
Para ver o resultado da impressão para PDF, abra o arquivo no Adobe Reader. Em geral o driver PDF permite a abertura automática logo após a conversão.

Copiar imagem

Operação de enviar uma imagem do tópico selecionado para a área de transferência do sistema.
Controle: F9

Colar imagem

Operação de trazer uma imagem na área de transferência para um tópico.
Controles: Control-V / botão na barra

Copiar/Colar imagem

Os programas do Office copiam e colam imagens da área de transfêrencia.
Controle: Copiar: Control-C / Colar: Control-V
No caso do Word (pelo menos), convém usar o comando Editar/Colar especial e selecionar o tipo de imagem. Há um histórico de desestabilização das imagens (perda) no caso de muitas imagens inseridas pelo comando Colar normal.


 

 

 

   HOME    RECURSOS     DEPOIMENTOS     DOWNLOAD     CAPACITAÇÃO     LICENCIAR

© 2008-2015 Virgílio Vasconcelos Vilela